01
Fev
06

Bienvenidos a España!

Num momento de apoteose como o que se vive em Mirandela neste momento, em que a revolução das massas se propõe a enfrentar o poder central instituído, importa parar e relectir um pouco sobre a situação político-cultural-linguística da nossa cidade no panorama internacional. E é neste contexto que deixo no ar a questão:

Neste momento Mirandela é…

1 – Uma colónia portuguesa, com o português como lingua principal, com um hospital a funcionar em Faro, uma câmara municipal nos açores e uma junta de freguesia temporariamente instalada na embaixada portuguesa em Timor-Leste?

2 – “Pois que” uma cidade espanhola, com o galego como língua, as “ketchup” a cantar o hino, e o canal 18 (oh si cariño, mas fuerte…) como grande símbolo nacional?

3 – A capital da República Indepente Transmontana, aliada com o Reino do Douro e Galiza na luta contra os mouros, num remake futurista da reconquista cristã da Península Ibérica?

4 – Um principado independente, com o transmontano como língua falada, e o espanhol, matarruano e (muito excepcionalmente) o português como dialectos minoritários, e tendo como figura de proa o Rei Silvano I, mas governado a partir das sombras pela facção separatista revolucionária do MP?

Vale a pena pensar nisso.

Rellax

“Pero yo no hablo espanõl… Ai caramba!! Estoy hablando español!”

Advertisements

3 Responses to “Bienvenidos a España!”


  1. 1 Never_Born
    Quarta-feira, 01 Fevereiro, 2006 às 16:58

    “Yo soy alergico a los crustaceos!”

    Como se dice “lololol”, en español?!

    Gostei particularmente da ultima hipótese, é meu sonho de infancia ser lider sombra da câmara municipal do reino de mirandela. Em Bragança(que eu a partir de agr tb não sei onde fica) ja temos o D. Duarte Pio Nuno Afonso Miguel Henriques Dinis Paes Fonseca Meireles, se em Mdl se consumar a coroação do Rei D. Silvano I, bai haber merda. E como dizia o outro: “Eu por mim… Td bem!!”

    Duas questões:

    1 – Qual é o papel das alheiras no meio disto td? (falhaste neste ponto)

    2 – Podemos tornar-nos um aldeia tipo Gauleses? Comer javalis, buber poção magica e armar jantarada sempr que houver porrada é coisa que me anima o espirito!! (Eu posso cantar se vcs kiserem)

  2. 2 Nexis
    Domingo, 05 Fevereiro, 2006 às 20:21

    Ou… do melhor que tenho lido em toda a web luso-espanhola!

    Adorei este post! Sublime.

  3. 3 Be
    Domingo, 05 Fevereiro, 2006 às 23:01

    “Indid”… MT AFRENTE… MAS KÁ EU REGO-ME PELA TRÊSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSS até que a morte me leve a energia!

    LINDO RELLAX… TOPO


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: